Piano bar com o pianista Elli Zen.

Trilhos Urbanos
O melhor o tempo esconde, longe, muito longe
Mas bem dentro aqui,
quando o bonde dava a volta ali
No cais de Araújo Pinho, tamarindeirinho
Nunca me esqueci onde o imperador fez xixi

Cana doce Santo Amaro, gosto muito raro
Trago em mim por ti, e uma estrela sempre a luzir

Bonde das Trilhos Urbanos vão passando os anos
E eu não ti perdi, meu trabalho é de traduzir

Rua da Matriz ao Conde no trole ou no bonde
Tudo é bom de vê, São Popó do Maculelê
Mas aquela curva aberta, aquela coisa certa
Não dá prá entender o Apolo e o rio Subaé

Pena de Pavão de Krishna, maravilha, vixe Maria
Mãe de Deus, será que esses olhos são meus ?

Cinema transcendental, Trilhos Urbanos
Gal cantando Balancê, como eu sei me lembrar de você
Trecho, título ou autor:
De quem:
Nacionalidade:
Com solo de piano?:
(Escolha aleatória)
Título - Compositor ou intérprete
Olê, Olá (Chico Buarque) (com solo de piano)
Preciso aprender a ser só (Marcos Valle, Paulo Sérgio Valle) (com solo de piano)
Sétimo céu (Geraldo Azevedo)
Feitiço da Vila (Noel Rosa, Vadico)
Smile (Charles Chaplin) (com solo de piano)
Please Mr. Postman (Carpenters)
Chega de saudade (Tom Jobim, Vinícius de Moraes) (com solo de piano)
Lilás (Djavan) (com solo de piano)
Encontros e despedidas (Milton Nascimento)
Meu mundo e nada mais (Guilherme Arantes) (com solo de piano)
Tudo que vai (Capital Inicial)
Se (Djavan)
Qualquer Coisa (Caetano Veloso) (com solo de piano)
Autor da minha fé (Grupo Elo, Paulo Cezar da Silva) (com solo de piano)
Feira de mangaio (Sivuca, Clara Nunes) (com solo de piano)
Me dê motivo (Tim Maia)
Sereníssima (Legião Urbana)
Carinhoso (Pixinguinha) (com solo de piano)
Moment in time (Whitney Houston)
Owner of a lonely heart (Yes)