Piano bar com o pianista Elli Zen.

Trilhos Urbanos
O melhor o tempo esconde, longe, muito longe
Mas bem dentro aqui,
quando o bonde dava a volta ali
No cais de Araújo Pinho, tamarindeirinho
Nunca me esqueci onde o imperador fez xixi

Cana doce Santo Amaro, gosto muito raro
Trago em mim por ti, e uma estrela sempre a luzir

Bonde das Trilhos Urbanos vão passando os anos
E eu não ti perdi, meu trabalho é de traduzir

Rua da Matriz ao Conde no trole ou no bonde
Tudo é bom de vê, São Popó do Maculelê
Mas aquela curva aberta, aquela coisa certa
Não dá prá entender o Apolo e o rio Subaé

Pena de Pavão de Krishna, maravilha, vixe Maria
Mãe de Deus, será que esses olhos são meus ?

Cinema transcendental, Trilhos Urbanos
Gal cantando Balancê, como eu sei me lembrar de você
Trecho, título ou autor:
De quem:
Nacionalidade:
Com solo de piano?:
(Escolha aleatória)
Título - Compositor ou intérprete
Punk da Periferia (Gilberto Gil)
Passerà (Renato russo)
Hino à Bandeira do Brasil (Olavo Bilac, Francisco Braga) (com solo de piano)
Meu bem, meu mal (Caetano Veloso) (com solo de piano)
Rádio blá (Lobão)
Águas de março (Tom Jobim) (com solo de piano)
Reza vela (O Rappa)
Carinhoso (Pixinguinha) (com solo de piano)
Sem pecado e sem juízo (Pepeu Gomes, Baby do Brasil) (com solo de piano)
Lindo lago do amor (Gonzaguinha) (com solo de piano)
Memória da pele (João Bosco, Waly Salomão) (com solo de piano)
Olhos nos olhos (Chico Buarque) (com solo de piano)
Serrado (Djavan)
New York, New York (Frank Sinatra)
Never There (Cake)
Vícios e Virtudes (Charlie Brown Jr.)
Ah! se eu pudesse (Roberto Menescal, Ronaldo Bôscoli) (com solo de piano)
Natasha (Capital Inicial)
Canção do amor inabalável (Skank)
Um amor de verão (Rádio Taxi)