Piano bar com o pianista Elli Zen.

Sun go down on me
I can´t lie no more on the darkness
All my pictures seem to fade to black and white
I´m growing tired and time stands still before me
Frozen here on the ladder of my life

Too late to save myself from falling
I took a chance and changed your way of life
But you misread my meaning when I met you
Closed the door and left me blind by desire

CHORUS
Don´t let the sun go down on me
Although I search myself
It´s always someone else I see
I´m just another fragment of your life
To wander free
But loosing everything
It´s like the sun going down on me

I can´t find all the rugged of malign life
But see me once and see the way I feel
Don´t disgard me just because you think I mean you harm
But these cuts I have, they need love to help them heal
________________________
Don´t Let The Sun Go Down On Me
(Não deixe o sol se apagar para mim)

I can´t lie no more on the darkness
All my pictures seem to fade to black and white
I´m growing tired and time stands still before me
Frozen here on the ladder of my life
* Eu não posso mais deitar-me na escuridão
Todas as minhas imagens parecem estar descorando
Estou ficando cansado e o tempo ainda me persegue
Estou paralisado aqui, na escada da minha vida

Too late to save myself from falling
I took a chance and changed your way of life
But you misread my meaning when I met you
Closed the door and left me blind by desire
* Muito tarde para salvar-me da queda
Eu tive uma chance e mudei seu modo de vida
Mas você entendeu-me mal quando te encontrei
Fechou a porta e deixou-me cego pelo desejo

CHORUS
Don´t let the sun go down on me
Although I search myself
It´s always someone else I see
I´m just another fragment of your life
To wander free
* Não deixe o sol se apagar para mim
Apesar de procurar-me
É sempre um outro alguém que vejo
Eu sou apenas um outro fragmento de sua vida
Para vagar live (por aí)

But loosing everything
It´s like the sun going down on me
* Mas perder tudo
É como se o sol se apagasse para mim

I can´t find all the rugged of malign life
But see me once and see the way I feel
Don´t disgard me just because you think I mean you harm
But these cuts I have, they need love to help them heal
* Eu não posso encontrar toda a aspereza da vida
Mas veja-me uma vez e veja como me sinto
Não me ignore só por que você acha que te magoei
Essas feridas que trago, elas precisam de amor para ajudá-las na cura
Trecho, título ou autor:
De quem:
Nacionalidade:
Com solo de piano?:
(Escolha aleatória)
Título - Compositor ou intérprete
Como uma onda (Lulu Santos) (com solo de piano)
Frisson (Tunai) (com solo de piano)
Se (Djavan)
Natal das crianças (Blackout, Luiz Bordon) (com solo de piano)
All ask of you (Andrew LloydWebber, Charles Hart) (com solo de piano)
Caça e caçador (Fábio Júnior) (com solo de piano)
Nascente (Ed Motta)
A vida tem sons (Roupa Nova)
Saideira (Skank)
Cheia de charme (Guilherme Arantes) (com solo de piano)
mais uma de amor (Blitz)
Este seu olhar (Tom Jobim) (com solo de piano)
Samba de uma nota só (Tom Jobim) (com solo de piano)
Canção do amor inabalável (Skank)
Passarim (Tom Jobim) (com solo de piano)
Chega de saudade (Tom Jobim, Vinícius de Moraes) (com solo de piano)
Garota dourada (Rádio Taxi)
Encontros e despedidas (Milton Nascimento)
Sede dos Marujos (Ivan Lins)
A Fórmula do Amor (Léo Jaime)