Eu sei que vou te amar
Eu sei que vou te amar
Por toda a minha vida eu vou te amar
Em cada despedida eu vou te amar
Desesperadamente, eu sei que vou te amar

E cada verso meu será
Pra te dizer que eu sei que vou te amar
Por toda minha vida

Eu sei que vou chorar
A cada ausência tua eu vou chorar
Mas cada volta tua há de apagar
O que esta ausência tua me causou

Eu sei que vou sofrer a eterna desventura de viver
A espera de viver ao lado teu
Por toda a minha vida

SONETO DA FIDELIDADE

De tudo, ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure
título ou autor:
Trecho da letra:
De quem:
Nacionalidade:
Com solo de piano?:
(Escolha aleatória)
Título - Compositor ou intérprete
Sábado à noite (Cidade Negra)
O mundo anda tão complicado (Legião Urbana)
No fundo do meu coração (Sandy e Júnior)
Hunting High And Low (A-ha)
Faz parte do meu show (Cazuza)
A sombra da maldade (Cidade Negra)
O pulso ainda pulsa (Titãs)
Firmamento (Cidade Negra)
De primeira grandeza (Belchior)
A força do amor (Roupa Nova, Ronaldo Bastos, Cleberson Horsth)
Jade (João Bosco)
Nem um dia (Djavan)
Ne Me Quitte Pas (Jacques Brel)
De Mais Ninguém (Marisa Monte, Arnaldo Antunes)
Cilada (Grupo Molejo)
No more lonely nights (Paul McCartney)
Só tinha de ser com você (Tom Jobim)
Garota nacional (Skank)
Como dois e dois (Caetano Veloso, Roberto Carlos)
Papo Reto (Charlie Brown Jr.)