Piano bar com o pianista Elli Zen.

O mestre sala dos Mares
Há muito tempo nas águas da Guanabara,
o dragão do mar reapareceu,
na figura de um bravo feiticeiro,
a quem a história não esqueceu

Conhecido como navegante negro,
tinha a dignidadede um mestre-sala.
E ao acenar pelo mar na alegria das regatas,
foi saudado no porto pelas mocinhas francesas,
jovens polacas e por batalhões de mulatas.

Rubras cascatas
jorravam das costas dos santos
entre cantos e chibatas.
Inundando o coração do pessoal do porão
que a exemplo do feiticeiro,
gritava então

Glória aos piratas,
às mulatas,às sereias.
Glória, à farora,
à cachaça, às baleias.

Glória
a todas as lutas e glórias,
que através da nossa história,
não esquecemos jamais.

Salve o navegante negro
que tem por monumento,
as pedras pisadas do cais
Trecho, título ou autor:
De quem:
Nacionalidade:
Com solo de piano?:
(Escolha aleatória)
Título - Compositor ou intérprete
Olê, Olá (Chico Buarque) (com solo de piano)
Minha Namorada (Carlos Lyra, Vinícius de Moraes)
Luiza (Tom Jobim) (com solo de piano)
O Bêbado e a Equilibrista (Aldir Blanc, João Bosco)
Lilás (Djavan) (com solo de piano)
Reluz (Marcos Sabino)
Teatro dos Vampiros (Legião Urbana)
Punk da Periferia (Gilberto Gil)
Rindo à toa (Fala Mansa)
Meu bem, meu mal (Caetano Veloso) (com solo de piano)
Frevo Mulher (Zé Ramalho)
Caleidoscópio (Paralamas)
Jaquie Tequila (Skank)
Primavera (Carlos Lyra) (com solo de piano)
Ska (Paralamas)
Vitoriosa (Ivan Lins) (com solo de piano)
Skyline pigeon (Elton John) (com solo de piano)
A novidade (Paralamas)
Há tempos (Legião Urbana)
Detalhes (Roberto Carlos, Erasmo Carlos) (com solo de piano)