Qui Nem Jiló
Se a gente lembra só por lembrar
De um amor que a gente um dia perdeu
Saudade entonce assim é bom pro cabra se convencê
Que é feliz sem saber pois não sofreu

Porém se a gente vive a sonhar
Com alguém que se deseja rever
Saudade entonce assim é ruim eu tiro isso por mim
Que vivo doido a sofrer

Ai quem me dera voltar
Pros braços do meu xodó
Saudade assim faz doer e amarga que nem jiló
Mas ninguém pode dizer
que vivo triste a chorar
Saudade o meu remédio é cantar
Saudade o meu remédio é cantar
título ou autor:
Trecho da letra:
De quem:
Nacionalidade:
Com solo de piano?:
(Escolha aleatória)
Título - Compositor ou intérprete
Ele é a razão (Grupo Som Maior, David Meece, Eddie Williams)
Pai (Fábio Júnior)
Un break my heart (Tony Braxton)
I´ll be there (Jackson Five, Michael Jackson, Berry Gordy, Bob West, Hal Davis e Willie Hutch)
Smoke gets in your eyes (The Platters)
Eva (Rádio Taxi)
Muito estranho (Dalto, Cláudio Rabello)
Bola de Meia, Bola de Gude (Fernando Brant, Milton Nascimento)
Atrás da porta (Chico Buarque, Francis Hime)
Only You (The Platters)
Todo sentimento (Chico Buarque, Cristóvão Bastos)
We Said Goodbye (Dave Maclean)
Candeias (Edu Lobo)
Cristo é meu (Kurt Kaiser, Milton Cardoso, Vencedores por Cristo)
Minha tia (Roberto Carlos, Erasmo Carlos)
Eu juro (I swear) (Leandro e Leonardo)
My love (Paul McCartney)
Vento no litoral (Legião Urbana)
Aquele abraço (Gilberto Gil)
Sorry, Blame It On Me (Akon)